top of page

5 cozinheiras internacionais vão preparar cataplanas c/ ingredientes e receitas dos países de origem

Projecto “Cataplanas do Mundo” associa a tradição da cataplana algarvia à gastronomia de vários países, promovendo o encontro e a partilha de histórias e culturas.

A candidatura de Faro a Capital Europeia da Cultura (Faro 2027), em parceria com a Tertúlia Algarvia e a Associação Doina (projecto Mudaki), lançam as Cataplanas do Mundo, uma iniciativa que associa a tradição da cataplana algarvia à gastronomia de vários países, promovendo o encontro e a partilha de histórias e culturas.


De 18 de Novembro a 2 de Dezembro, cinco “cozinheiras internacionais” vão preparar várias cataplanas algarvias, todas elas confeccionadas com ingredientes e receitas dos respectivos países de origem, designadamente Brasil, Roménia, Marrocos, Paquistão e Cabo Verde. As cataplanas serão, depois, sorteadas e entregues em casa da família contemplada.


As inscrições para o sorteio das Cataplanas do Mundo deverão ser efectuadas aqui.


A primeira Cataplana do Mundo é a brasileira e será confeccionada no dia 18 de Novembro, seguem-se as cataplanas da Roménia (dia 24 de Novembro), do Paquistão e Cabo Verde (dia 29 de Novembro) e, por fim, a de Marrocos (dia 2 de Dezembro).


A primeira fase do projecto incluiu um workshop com o Chef Bruno Amaro da Tertúlia Algarvia, onde todos as participantes conhecerão a história do objecto cataplana e aprenderão a cozinhar a Cataplana Algarvia.


"Cataplanas do Mundo é um projecto que visa promover a história e tradições da cultura do Algarve ao mesmo tempo que promove o encontro de culturas através da gastronomia. Visa assim explorar o conceito de Gastrodiplomacia, ou seja a gastronomia como ferramenta efectiva de Diplomacia Pública", explica a candidatura de Faro a Capital Europeia da Cultura 2027.


Créditos da Notícia: Postal do Algarve


62 visualizações

Comments


bottom of page