Dê as boas-vindas à primavera com estes workshops de alimentação saudável | in "Evasões"

Três workshops que pretendem promover práticas saudáveis a cada estação do ano.

Neste início de Primavera, o Museu do Oriente organiza uma série de três workshops, em formato online, que visam promover práticas saudáveis e ensinam a ajustar a alimentação às Estações do Ano para promover o bem-estar geral.


Ser vegano/vegetariano com saúde” realiza-se a 20 de Março, e baseia-se nos conhecimentos orientais para falar dos alimentos essenciais a uma dieta vegetariana saudável, e à forma de os relacionar, adaptando esses conhecimentos ao Ocidente e à actualidade e ciência moderna. Será também abordada a forma como a alimentação deve ser ajustada às Estações do Ano e ao meio envolvente, com o objectivo de promover um estilo de vida mais saudável e também mais sustentável, respeitando o meio interno e o meio que nos rodeia.


A prática do vegetarianismo, anteriormente associada a práticas espirituais adoptadas por monges budistas e por outras religiões do mundo, começa a ser cada vez mais reconhecida como uma dieta saudável, que ajuda a reduzir problemas cardiovasculares, doenças oncológicas, obesidade, hipertensão ou diabetes e pré-diabetes, reflectindo-se num aumento da longevidade e bem-estar do ser humano.


Alimentação saudável, o que é?”, no dia 10 de Abril, pretende mostrar que praticar uma alimentação saudável pode ser bem mais simples do que parece. Um dos primeiros e maiores estudos epidemiológicos (relação entre a saúde e os factores que a determinam) realizados foi o ‘China Study’, cujo nome resulta do facto de ter sido desenvolvido junto da população chinesa. A partir deste estudo, serão trocadas ideias sobre como comer de forma simples e saudável, de que forma pode ser adaptada a alimentação às Estações do Ano, fases de vida e rendimento intelectual e emocional, através da filosofia oriental e daquilo a que, no Oriente, chamam de Cinco Transformações.


Seja por questões religiosas, ambientais ou espirituais, a adesão ao vegetarianismo/veganismo tem vindo a ganhar destaque no Ocidente. No entanto, no Oriente, a alimentação vegetariana/vegana está amplamente dispersa, como é o caso de algumas regiões da Índia ou praticantes budistas no Japão. Em Portugal, comer apenas legumes era visto como sinal de pobreza. No entanto, estudos mostram que uma alimentação baseada em vegetais tem muitos benefícios para a saúde, é mais barata e tem um menor impacto no meio ambiente.


Truques da cozinha vegana para veganos e não veganos” realiza-se a 22 de Abril e ensina dicas para cozinhar pratos saborosos sem produtos de origem animal, permitindo adaptar receitas familiares, não vegetarianas, em vegetarianas. Serão também partilhados alguns truques da cozinha japonesa, para melhorar a saúde através do prato.


Os três workshops são orientados por Filipa Silva, formada em Macrobiótica, Saúde e Auto-transformação (2012/15), com especialização em Aconselhamento e Comunicação (2015) pelo Instituto Macrobiótico de Portugal, onde colaborou e foi assistente durante três anos. Actualmente, lecciona na Escola Macrobiótica e colabora com Simon Brown nos seus cursos online anuais de macrobiótica.


Os workshops realizam-se em formato online, em directo na plataforma Zoom.


Inscrições e mais informações disponíveis em museudooriente.pt.


Créditos da Notícia: SAPO


#alimentacaosaudavel #sustentabilidade #workshops #sazonalidade #vegan #vegetariano #comidavegetariana #receitasvegetarianas #macrobiótica