top of page

Vem aí o festival que celebra a herança da batata-doce na vila de Aljezur

Decorre no Espaço Multiusos da vila entre 24, 25 e 26 de Novembro, com actividades para toda a família. A entrada é gratuita.


batata doce, aljezur, festival, gastronomia, algarve

A polpa é amarela, doce, macia e pouco fibrosa. Tem uma forma alongada e apresenta uma pele castanho-avermelhada. Estas características descrevem a batata doce de Aljezur, a raíz tuberosa com certificação de Indicação Geográfica Protegida (IGP) atribuída em 2009. Um produto único no País, que será celebrado no próximo fim-de-semana.


O Festival da Batata doce de Aljezur decorre entre 24 e 26 de Novembro no Espaço Multiusos da localidade algarvia. A entrada é gratuita e será “uma oportunidade única para mergulhar na rica herança da batata doce típica da região”.


A vila é considerada por muitos a capital deste tubérculo. E a principal razão está ligada à lenda da tomada do Castelo de Aljezur aos mouros, em 1249. Isto, porque os cavaleiros precisavam de nutrientes para carregar as armas e armaduras pesadas — a refeição escolhida, não foi nada mais nem menos, que a Feijoada de batata doce de Aljezur.


Agora, este alimento é um dos principais atractivos da região. O programa de actividades foi pensado para toda a família. O destaque do primeiro dia (24 de Novembro) será a actuação ao vivo de André Filipe e The Protons. E ainda duas apresentações de showcooking e aprender a preparar os pratos de petiscadas de carapau e cavala com batata doce e ovelha churra com o mesmo acompanhamento.


O programa também inclui momentos pensados para os mais novos: a 25 de Novembro, haverá animação com palhaços. O concurso de doces será a atracção principal e no final da tarde, os prémios serão atribuídos. Para encerrar o festival, às 18h30, os mais gulosos podem participar na demonstração da doceira Fátima Soares e, depois, assistir ao espectáculo de stand up comedy de Emanuel Moura.


Ao longo dos três dias pode encontrar diversos restaurantes regionais nas bancas de expositores. Há nomes como Petisc’aki, Chaparro e o Sítio do Rio. “O Festival da Batata-doce de Aljezur é uma celebração da comunidade e uma homenagem aos agricultores e produtores locais, que desempenham um papel fundamental na preservação da herança cultural e culinária da região”, salienta a organização.


Créditos da Notícia: NiT


8 visualizações

Comments


bottom of page