Women in Coffee: Catarina Estevens - Flavour Café, Tavira | in "Fiamma"

As mulheres são uma grande parte da comunidade do café.

Assim, faz todo o sentido enaltecer esta realidade e evidenciar o que se faz de bem em Portugal e no Mundo no que toca a café.


Na rúbrica Women & Coffee partilhamos a história de mulheres que têm moldado o mundo do café dentro e fora de portas, contando as suas histórias, pelas suas próprias palavras.


Na primeira edição convidamos Catarina Estevens, gerente do Flavour Café em Tavira, para responder a algumas questões sobre a sua relação com o café.

Qual foi a tua primeira experiência com o café?

Penso que tal como com a maioria de nós, coffee lovers, o café aparece nas nossas vidas quase na infância. A nível profissional, tinha 16 anos e foi no meu primeiro trabalho de Verão. Percebi nesse momento que um dia o café iria fazer parte da minha vida em permanência. Claro que a vida seguiu o seu curso, e depois de ter terminado a Universidade e ter adquirido alguma experiência profissional na vida real, como costumo dizer, decidi abrir o meu negócio, uma cafetaria especializada em chá e café, que hoje se chama Flavour Café. Desde logo, a paixão foi crescendo e com o envolvimento pessoal que um negócio exige, cresce também a vontade de saber mais. Fui então aperfeiçoando conhecimentos e apostando na minha formação enquanto Barista, de forma a especializar-me e profissionalizar-me, com o objetivo de oferecer aos meus clientes um produto de qualidade que fosse de encontro às suas expetativas e os fizesse felizes, a cada visita.

O que te motiva a trabalhar com café? Duas coisas. A matéria-prima, que adoro. Para além das suas características, ou seja, do sabor, do aroma, da textura, adoro o facto de ser complexo e ao mesmo tempo extremamente versátil e poder dar asas à criatividade. Isto permite-me continuar a aprender diariamente. Ainda tenho tanto para conhecer, o que me entusiasma e motiva infinitamente! E as pessoas! As pessoas e tudo o que elas me dão. A oportunidade de contactar e partilhar conhecimentos e fazer pessoas felizes, todos os dias. O café é algo que me une ao outro, não apenas na minha cafetaria enquanto Barista mas também no mundo do café. Fazemos contactos, conhecemos lugares, e partilhamos experiências e conhecimentos que acredito que ficam para a vida. E que me enchem o coração. Existe uma causa relacionada com o café ou um motivo pessoal que te inspira? Sim! Imagino-me trabalhar com café para sempre. A minha missão impossível seria que todo o mundo bebesse café bem extraído, com os procedimentos corretos que o café merece. E, sobretudo, transmitir o merecido respeito pelo café, pelos profissionais (Baristas), pelos produtores e comercializadores é sem dúvida o que mais me inspira e espero poder continuar a partilhar a paixão e consideração pelo café como tenho feito até aqui, seja aos meus colaboradores, seja em eventos ou nas formações e workshops que dou. Qual a tua visão para o mundo do café no futuro? Penso que continuaremos a ser fieis ao espresso, faz parte de nós, e da nossa cultura latina. Nunca perderemos o hábito de tomar um espresso na rua, pois esta rotina é muito mais que tomar uma bebida. É receber o “bom dia” no local habitual, é reunir os amigos à volta de uma chávena, é o início de mais uma jornada, por exemplo. Porém, tal como ficámos mais exigentes com a comida ou com o vinho ao longo dos últimos anos também ficaremos com o café. Queremos saber mais, experimentar mais e afinar o nosso palato. Acredito que os métodos de extração de filtro ganharão terreno, não só em casa mas também no canal HORECA. Tens uma heroína do café ou um herói? Se sim, quem e porquê? Vários. Luigi Lupi, com quem fiz a formação SCA Barista Profissional, pelo pioneirismo na latte art e pela elegância que imprime no seu trabalho, que acho fundamental neste mundo. Nuno Castanheira, da Academia Barista Nestlé, para mim um pilar, que me motiva diariamente a continuar e a não desistir das minhas aspirações, mas para além de tudo, pela pessoa bonita e inteira que é. Mas há uma pessoa que também tive o privilégio de conhecer, que adoro e tem um lugar especial no meu coração, e que me inspira muito. Maurizzio Valli, da Bugan Coffee Lab, em Bergamo, Itália. Este profissional respira café, é uma verdadeira enciclopédia do mundo do café e é difícil estar ao pé dele sem ser contagiado pela sua paixão. Treinou e apoiou os vencedores do Campeonato de Barista, Campeonato de Coffee and Good Spirits e Campeonato Brewers Cup em 2020, que representarão a Itália nos mundiais no próximo ano. Mas, mais importante, tem uma garra e uma emoção quando fala que me deixa arrepiada. E mesmo depois de tudo o que estamos a atravessar, quando o ouvimos, tem uma alegria contagiante, uma força inspiradora e uma resiliência impar. É uma referência no mundo do café e uma pessoa encantadora. Sou afortunada por um dia me ter cruzado com estas três pessoas. Se tu fosses um componente de uma máquina de café espresso, que parte serias e porquê? Claramente a lança de vapor cool touch da Astrolab. Porque estou no meu canto, sossegada, mas quando é para por as mãos na massa (neste caso nos grãos) e fazer magia estou a postos rapidamente. E por último, qual a tua bebida à base de café preferida, numa manhã de segunda-feira?

Digo sempre “Too many Mondays, not enough Coffee!” Por isso um belíssimo Doppio ao acordar e não largo a minha Chemex Handle Series ao longo do dia.


Créditos da Notícia: Fiamma


#flavourcafé #catarinaestevens #café #coffeelovers #entrevistas

13 visualizações
Azeite de Trufa Branca

AZEITE

DE TRUFA BRANCA

Bagas de Zimbro

BAGAS 

DE ZIMBRO

Caril, Curry, Especiarias, Spices

CARIL

(AMARELO/VERDE/VERMELHO)

Seitan

SEITAN

SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

lima com pimenta

LET'S

TALK

ABOUT

FOOD

FALE CONNOSCO

COM VONTADE DE...

... DAR UM SALTO AO NOSSO Blog ?

Lima com Pimenta

Fruit & Veg Company

contacto@limacompimenta.com

964 163 956 | 969 981 253

Algarve | Portugal

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

©2020 por Lima com Pimenta®